Funai distribui mais de 340 mil cestas de alimentos a povos indígenas

Com o objetivo de garantir a segurança alimentar dos povos indígenas durante a pandemia de Covid-19 e colaborar para que eles permaneçam nas aldeias, a Fundação Nacional do Índio (Funai) já distribuiu mais de 340 mil cestas de alimentos a comunidades em situação de vulnerabilidade social em todo o País. A fundação já investiu, aproximadamente, R$ 24 milhões em ações de enfrentamento ao novo coronavírus.

As entregas envolvem recursos próprios, doações e parcerias com outros setores do governo federal, como o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos e a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). A expectativa é alcançar, nos próximos dias, a marca de 500 mil cestas entregues.

Além disso, para contribuir com as medidas de cuidado e de prevenção, quase 62 mil kits de higiene pessoal e de limpeza foram distribuídos aos indígenas. As equipes da Funai também seguem conscientizando as lideranças sobre os riscos do contágio e a importância de evitar deslocamentos.

Etnodesenvolvimento

Para fortalecer a autonomia indígena, cerca de R$ 3 milhões foram investidos em ações de etnodesenvolvimento, visando ao apoio às atividades de psicultura, roças de subsistência, colheita de lavouras, confecção de máscaras de tecido e artesanato, produção agrícola, casas de farinha, entre outros.

Os indígenas contam ainda com uma Central de Atendimento específica para solicitações relacionadas ao combate à Covid-19. As demandas podem ser encaminhadas para os telefones (61) 99622-7067 e (61) 99862-3573 ou pelo e-mail covid@funai.gov.br.

Funai no combate ao coronavírus

• R$ 23,9 milhões investidos em ações 

• 343,4 mil cestas entregues a indígenas (recursos próprios, doações e cestas adquiridas com recursos do MMFDH), expectativa é alcançar a marca de 500 mil cestas distribuídas

• 61,6 mil kits de higiene e de limpeza distribuídos a indígenas de todo o país 

• Central de Atendimento da Funai à Covid-19

• Campanha Empresa Solidária

• Suspensão das autorizações para ingresso em Terras Indígenas

• Suporte a 217 barreiras sanitárias

• 200 mil itens de EPIs enviados às unidades descentralizadas

 

Com informações da Funai

Texto original

Deixe um comentário