Startaps do Amazonas apresentam propostas que unem desenvolvimento sustentável e inovação durante ‘Fórum Virtual Amazônia’

Startups amazonenses participam de fórum. — Foto: Reprodução/Internet

Fortalecer a bioeconomia e a indústria 4.0 é fundamental para o desenvolvimento de qualquer sociedade. E a Amazônia cada vez mais se torna palco desse cenário, que une sustentabilidade, tecnologia e inovação.

Diante da atual realidade, a Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) e a Associação para Promoção da Excelência do Software Brasileiro promovem o Fórum Virtual Amazônia Investimentos e Inovação. O evento teve início nesta quarta-feira (30) e segue até a sexta-feira (3), apresentando tecnologias e apresentando o que há de mais atual no ecossistema de inovação.

Segundo o vice-presidente da Softex, o Diônes Lima, o fórum representa uma oportunidade para que todos possam compreender e entender o potencial da região Norte como protagonista de novos negócios.

“É um importante passo no sentido de explorar o potencial da região Norte, contribuindo para o desenvolvimento econômico da Amazônia e para a geração de um novo polo tecnológico capaz de ofertar serviços e produtos inovadores.

“Além disso, há o estreitamento de relacionamentos e parcerias com empresas, indústrias, investidores, aceleradoras, incubadoras e startups atuantes nesta região. O objetivo é fomentar a criação de novos hubs tecnológicos que saiam do tradicional eixo Sul-Sudeste. Nossa preocupação é estimular e levar a inovação a todas as regiões do país”, disse.

Evento reforçou todo o potencial do Amazonas e da Amazônia como protagonista no mercado tecnológico. — Foto: Rebeca Beatriz G1 AM

Dionês lembrou que a empresa tem mais de 25 anos de atuação no universo tecnológico. Entre as principais tendências para o cenário atual, segundo ele, estão inteligência artificial, Indústria 4.0 e Microeletrônica.

Uma das empresas que participaram do fórum foi a empresa amazonense Flex, que atua há 25 anos no setor eletro-eletrônico. A especialidade é montagem de placas de circuitos impressos e produtos eletro-eletrônico. Além disso, a empresa produz, ainda, na área de áudio/vídeo.

Além de se destacar nesse nicho, a preocupação com o meio ambiente é uma das bases da empresa, que possui uma estação de tratamento de serviços de água, resíduos e reciclagem do lixo industrial.

Todos os anos, a empresa transforma cerca 3 mil toneladas de lixo eletrônico em matéria-prima para novos produtos.

Calendário e Painéis

Fórum debate potencial da Amazônia. — Foto: Reprodução/Internet

Dia 01/07/2021 (quarta-feira)

  • 9h às 18h – Oportunidades para Bioeconomia; Oportunidades para Indústria 4.0.
  • 16h as 18h – Oportunidades para Empreendedorismo Inovador (Pitches), com possibilidade de participação durante todo os dia, de acordo com a disponibilidade dos interessados.

Dia 02/07/2021 (quinta-feira)

  • 10h às 12h – Investimentos para região Consolidação dos debates da legislação de informática.
  • 14h às 16h – Consolidação dos debates da legislação de informática.

Casal cria startup para desenvolver aplicativos de celular para empresas
Casal cria startup para desenvolver aplicativos de celular para empresas

2 min

Casal cria startup para desenvolver aplicativos de celular para empresas

Veja os vídeos mais assistidos do G1 Amazonas

Deixe um comentário