Centro de empreendedorismo é inaugurado em hotel do século XIX em Manaus

Espaço no centro de Manaus tem laboratórios e área de coworking — Foto: Eliana Nascimento/G1

Foi inaugurado, nesta quarta-feira (18), em Manaus, o primeiro centro de empreendedorismo e inovação da região Norte. O espaço foi adaptado no antigo Hotel Cassina, prédio construído em 1899 e que passou anos abandonado no Centro histórico da capital.

O Casarão da Inovação Cassina deve valorizar e desenvolver o ecossistema da inovação da cidade, como explicou o prefeito Arthur Neto. “Esse lugar era um templo, era diversão dos barões da borracha. O tempo passou, restauramos o prédio como ele merecia, agora ele é dedicado a criar dinheiro, prosperidade e empregos na nossa cidade”, disse o prefeito.

Terraço do Casarão da Inovação Cassina, com área ao ar livre — Foto: Eliana Nascimento/G1

O local conta com cerca de 1.600 metros quadrados com laboratórios, salas de desenvolvimento de startups e treinamento, além de 54 estações de coworking, auditório e um espaço de alimentação no terraço com vista para o Teatro Amazonas e para a Ponte Jornalista Phellipe Daou.

“É um marco histórico e mostra que Manaus está dando um grande salto na direção da economia 4.0. Esse local tem um valor sentimental, histórico e simbólico de estarmos aqui, abrindo startups, tecnologia, espaço para trabalho e para criação de negócios”, contou.

De acordo com o prefeito, o polo será um local de referência de empreendedorismo destinado a empreendedores.

Segundo ele, o projeto tem consultoria de uma empresa do Recife, contratada para transformar o Centro Histórico de Manaus. A ideia é mapear e reativar pelo menos 70 prédios públicos que podem ser, futuramente, usados por empresas.

O centro deve oferecer cursos de empreendimento e oficinas na área da indústria, coordenado pela própria Prefeitura.

Espaço interno do Casarão da Inovação Cassina, em Manaus — Foto: Eliana Nascimento/G1

Antigo Hotel Cassina foi transformado em centro de empreendedorismo — Foto: Eliana Nascimento/G1

Veja os vídeos mais assistidos do G1 AM nos últimos sete dias:

Deixe um comentário