Arquivo da Categoria: Projeto Sonora

Projeto Sonora é destaque durante Feira de Produtos Orgânicos da Fiocruz Amazônia

Você já visitou um museu imaginário? Uma dupla de artistas de São Paulo que criam uma espécie de imersão sonora sobre a biodiversidade da floresta estiveram ontem, 15/8, apresentado o “projeto sonora”, durante mais uma edição da Feira de Produtos Orgânicos do Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/ Fiocruz Amazônia).

O Sonora é uma organização independente e sem fins lucrativos que desenvolve museus imaginários, que atuam como ferramenta de ensino e aprendizagem para promover acesso a conhecimentos sobre ciência, conservação, mobilidade urbana, sustentabilidade e justiça social.

As atividades de imersão sonora se utilizam de som e palavra para comunicar ideias, pesquisas e narrativas. A intenção é proporcionar elementos que instigam o repertório individual dos participantes através de um território de co-imaginação. O ILMD/Fiocruz Amazônia recebeu para esta edição os alunos da Escola Estadual Angelo Ramazzotti e do Instituto Batista Ida Nelson.

Vendados os estudantes ouviam a voz suave do músico Bruno Garibaldi narrando a aventura, interpelada pela sonoplastia amazônica, manejada eletronicamente pela também artista Luisa Puterman. Criado em 2016, o projeto usa o som como ferramenta de deslocamento imaginativo, apresentando-se em escolas, hospitais, penitenciárias e outros espaços, a dupla ativa a capacidade imaginativa de quem se dispõe a fechar os olhos.

Garibaldi, um dos coordenadores do projeto, conta que a equipe escolheu a Amazônia por diversos fatores, como falar sobre biodiversidade, aspectos da biologia, zoologia, da botânica, além da possibilidade de criar museus imaginários de história natural do Amazônia. “Trabalhar com um imaginário da Amazônia é muito profundo no tecido social brasileiro, usar da Amazônia para estimular esse imaginário, também vinculado ao exercício do pensamento científico, ainda mais no contexto político que nos encontramos hoje, onde a Amazônia está com seu futuro correndo perigo, com o pensamento científico sendo desvalorizado, o projeto vem justamente para democratizar e fazer essa ponte entre a sociedade e a ciência”, destacou.

Em atividades pela cidade de Manaus, o Projeto Sonora desenvolve ações que fazem parte do projeto Imersão Amazônia, uma atividade de divulgação científica que visa produzir e apresentar experiências de imersão com o apoio do Instituto Serrapilheira e colaboração com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) e o LABVERDE.

A cada edição da Feira de Produtos Orgânicos da Fiocruz Amazônia, são realizadas palestras que visam incorporar questões de agendas públicas que precisam de visibilidade nos espaços públicos.

SOBRE A FEIRA

O evento é promovido pelo Laboratório Território, Ambiente, Saúde e Sustentabilidade (Tass) do ILMD/Fiocruz Amazônia, em parceria com a Coordenação Regional Norte da Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente da Fiocruz (Obsma), com apoio da coordenação regional Sindicato dos Servidores de Ciência, Tecnologia, Produção e Inovação em Saúde Pública  (Asfoc-AM).

Participam da Feira de Produtos Orgânicos, agricultores da Associação dos Agricultores São Francisco de Assis – Ramal da Cachoeira, entidade ligada à Rede Maniva de Agroecologia do Amazonas (Rema).

Dentre os produtos agrícolas orgânicos comercializados, estão hortaliças, frutos regionais de época, plantas medicinais e plantas comestíveis não convencionais, entre outros. Artesanato, alimentos feitos a partir de produtos orgânicos e mudas de plantas também estão na feira. São produtos orgânicos os cultivados sem o uso de adubos químicos ou agrotóxicos, portanto produtos considerados limpos e saudáveis, que respeitam o meio ambiente e contribuem para a preservação dos recursos naturais.

ILMD/Fiocruz Amazônia, por Eduardo Gomes
Fotos: Eduardo Gomes