Jogo online da Fiocruz ensina a lavar as mãos corretamente

Uma das principais estratégias para a prevenir a infecção pelo novo coronavírus é a lavagem correta das mãos. A medida simples e eficiente também contribui para o combate a diversas doenças provocadas por microrganismos, como gripe, diarreia e hepatite A.

Pesquisadores do Instituto Oswaldo Cruz (IOC/Fiocruz) alertam que descuidar do hábito, que deveria ser instintivo, pode causar danos à saúde. A higienização adequada inclui, além do uso de água e sabão, uma série de movimentos que tem por objetivo cobrir todas as partes das mãos.

Os pesquisadores Tânia Zaverucha do Valle, do Laboratório de Imunomodulação e Protozoologia, e Gabriel Limaverde Sousa, do Laboratório de Esquistossomose Experimental do IOC, idealizaram um jogo que tem como objetivo promover a conscientização sobre a prática.

Chamada Hiji Sushi, a atividade simula o cenário de um restaurante de culinária japonesa. Para quem joga, o desafio é preparar refeições com rapidez e eficiência e, ao mesmo tempo, ter atenção à lavagem das mãos. O personagem só consegue avançar na pontuação quando segue corretamente o passo a passo da higienização adequada.

“Desenvolvemos um jogo eletrônico que reúne diversão e informação em saúde. A ideia é estimular não somente a lavagem correta das mãos, mas lembrar que o hábito de higienização deve ser regular”, explicou Tânia. “O jogo mostra que para preparar as refeições de maneira contínua e sem causar mal a ninguém é necessário higienizar bem as mãos, uma das consequências ao esquecer disso, por exemplo, é a intoxicação dos ‘clientes’ do restaurante”, complementou Gabriel. O jogo também contou com a colaboração de Thiago Santos Magalhães, responsável pelo design e programação, Rafael Augusto Ribeiro e Beatriz de Lima Furtado, responsáveis pela arte.

O material pode ser acessado online, na página do IOC/Fiocruz, e está disponível para download gratuito.

EDUCAÇÃO EM SAÚDE

O material educativo foi desenvolvido ao longo de 2019 com o apoio do edital para Recursos Comunicacionais e Educacionais Abertos (REA) da Vice-Presidência de Educação, Informação e Comunicação da Fiocruz. Livros, jogos e produtos informativos abordam temas importantes para a saúde pública, como a conscientização sobre os impactos do uso de drogas, juventude e infecções sexualmente transmissíveis (ISTs). Os conteúdos estão disponíveis para download gratuito na plataforma Educare, um espaço para a educação aberta criado pela Fiocruz.

IOC/Fiocruz, por Lucas Rocha (IOC/Fiocruz
Imagem: Reprodução

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *