Fiocruz Amazônia e Funasa assinam acordos de cooperação

Dois importantes acordos foram assinados ontem, 30/9, entre a Superintendência Estadual da Fundação Nacional de Saúde (Suest/Funasa-AM) e o Instituto Leônidas & Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia). Um dos termos diz respeito à cessão de uso de espaço físico, o outro para Apoio ao Controle e Vigilância em Saúde Ambiental.

Os acordos foram assinados pelo superintendente da Suest/Funasa-AM, Wenderson Monteiro, e pelo diretor do ILMD/Fiocruz Amazônia, Sérgio Luz. A formalização dos acordos aconteceu na Suest/Funasa-AM, no bairro da Glória, em Manaus.

Segundo Sérgio Luz, a assinatura dos acordos reafirma uma parceria institucional, que existe desde da implantação da Fiocruz no Amazonas. “Hoje praticamente reafirmamos todos esses compromissos, estabelecendo uma parceria: um projeto estratégico para o estado e para Amazônia com a questão da qualidade da água. Um convênio que vai ser útil para podermos ajudar a Funasa no cumprimento da sua missão, da qualidade da água nas localidades mais afastadas. Esse é o papel da Fiocruz, fortalecer essas ações, é o papel do SUS e o da Funasa. Ficamos muito contentes de poder assinar esses acordos e estreitar cada vez mais as relações institucionais. Além disso vamos estar dividindo um espaço físico também, enquanto não se desenvolve o projeto da nossa futura sede. Todos sabemos das dificuldades de acesso aos municípios do Amazonas, somente com a Funasa mesmo, para que a gente possa tentar melhorar a qualidade da água, que é um dos principais problemas das comunidades. Então, contribuir com esse trabalho é uma imensa satisfação”.

Para Wenderson Monteiro, a parceria firmada “oxigenou todas as expectativas da Funasa novamente, porque é um desafio muito grande e sozinhos não damos conta. Então, nós temos esse desenho de parceria com a união do estado, dos municípios se tornando real hoje, depois de uma conversa inicial, onde a Fiocruz Amazônia disponibilizou sua estrutura e equipe. A gente vai pegar toda a expertise que foi desenhada e construída em todos esses anos pela Fiocruz, somando com a Funasa, que tem a maior memória de saneamento básico do país, em municípios de até 50 mil habitantes, que são quase 90% do nosso país. E no Amazonas, temos municípios com problemas grandes. Estamos dando as mãos, enquanto Fiocruz, Funasa e governos do estado e dos municípios, para chegarmos a outros lugares onde nunca poderíamos chegar sozinhos”.

CONTROLE E VIGILÂNCIA

Um dos acordos assinados tem por objeto a elaboração conjunta de um Plano de Apoio ao Controle e Vigilância em Saúde Ambiental, por meio do monitoramento da qualidade da água consumida pela população das comunidades rurais e especiais Amazonas.

Para isso o ILMD/Fiocruz Amazônia vai disponibilizar suas instalações, equipamentos, insumos e recursos humanos para a coleta e análises laboratoriais das amostras de água a serem colhidas nas comunidades definidas nesse Plano que será construído, assim como vai capacitar os colaboradores para a coleta das amostras, de acordo com procedimentos técnicos, protocolos e normas de biossegurança adequados, para a emissão de laudos de análise das amostras coletadas, com parâmetros definidos.

Por sua vez, à Suest/Funasa-AM cabe não só a elaboração do Plano, mas também a disponibilização de instalações, equipamentos, insumos e recursos humanos necessários para realização de coleta das amostras de água a serem colhidas nas comunidades e liberação de colaboradores para participarem da capacitação.

ALMOXARIFADO

O segundo acordo vai permitir ao ILMD/Fiocruz Amazônia utilizar espaço físico da Suest/Funasa-AM, visando a instalação de um almoxarifado para armazenamento de materiais e para abrigar a administração desse almoxarifado.

Os responsáveis pelas duas instituições sinalizaram ainda que outras ações em parceria podem ocorrer entre as duas instituições, que conforme lembrado em reunião são as únicas fundações do Ministério da Saúde.

ILMD/Fiocruz Amazônia, por Marlúcia Seixas
Fotos: Marlúcia Seixas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *