Amazonastur e Prefeitura de Barcelos alinham parceria para a reforma do aeroporto da cidade

Uma parceria entre a Empresa Estadual de Turismo do Amazonas (Amazonastur) e a Prefeitura de Barcelos resultará na reforma do terminal de passageiros do aeroporto da cidade. O acordo foi estabelecido, nesta sexta-feira (01/03), entre a presidente Roselene Medeiros e o prefeito Edson Mendes.  Conforme a presidente da Amazonastur, Barcelos (a 399 quilômetros de Manaus) [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Seduc inicia campanha de conscientização e prevenção ao vírus H1N1 nas escolas da capital

  Ações tiveram início na tarde de sexta (01/03) com entrega de material elaborado especialmente para as escolas   A Secretaria de Estado de Educação e Qualidade do Ensino (Seduc), iniciou, nesta sexta-feira (01/03), a campanha de prevenção à gripe H1N1 nas unidades de ensino da capital, com visita à Escola Estadual de Tempo Integral [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Ribeirinhos da RDS do Piranha entrega ao Ipaam plano para manejo de jacaré

 Cooperativa de moradores contou com apoio da Fundação Amazonas Sustentável (FAS) e visa controlar superpopulação do réptil no baixo Solimões Moradores da Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Piranha, localizada em Manacapuru, estiveram em Manaus essa semana para apresentar o plano de manejo de jacarés na Unidade de Conservação (UC). Nesta sexta-feira (01/03), eles entregaram [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Divulgado o resultado dos pedidos de isenção da taxa de inscrição para o processo seletivo do PPGVIDA

A Secretaria Acadêmica (SECA), do Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/Fiocruz Amazônia) divulgou nesta sexta-feira, 1/3, o resultado dos pedidos de isenção da Taxa de Inscrição no processo seletivo do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Condições de Vida e Situações de Saúde na Amazônia (PPGVIDA).

Confira o resultado AQUI

As inscrições para o processo seletivo ocorrem de 12 a 25 de março de 2019.  Serão oferecidas 17 vagas divididas em duas linhas de pesquisa: Fatores sócio biológicos no processo saúde-doença na Amazônia, com onze vagas; e Processo Saúde-Doença e Organização da Atenção a populações indígenas e outros grupos em situações de vulnerabilidade, com seis vagas.

Poderão participar do processo de seleção candidatos que até a data da matrícula, completarem curso de graduação de duração plena devidamente reconhecido pelo MEC. O curso é em regime integral e as aulas estão previstas para iniciar dia 5/8 deste ano. Ao final do mestrado, o egresso do curso receberá diploma de Mestre em Saúde Pública.

As inscrições serão feitas exclusivamente pela internet por meio da Plataforma Siga, que somente poderá ser acessada pelo navegador Internet Explorer. O candidato tem que preencher o formulário de inscrição nesta plataforma e anexar documentos de identificação com foto (carteira de identidade, carteira militar ou de conselho de classe), CPF, RNE (Registro Nacional de Estrangeiros) ou passaporte para candidatos estrangeiros e pagar a taxa de R$ 100,00. A divulgação das inscrições homologadas será no dia 29 de março.

Para mais informações, consulte a chamada pública.

SOBRE O CURSO

O curso de mestrado em Condições de Vida e Situações de Saúde na Amazônia tem como objetivo capacitar profissionais para desenvolver modelos analíticos, capazes de subsidiar pesquisas em saúde, apoiar o planejamento, execução e gerenciamento de serviços e ações de controle e o monitoramento de doenças e agravos de interesse coletivo e do Sistema Único de Saúde na Amazônia.

O PPGVIDA também visa planejar, propor e utilizar métodos e técnicas para executar investigações na área de saúde, mediante o uso integrado de conceitos e recursos teórico-metodológicos advindos da saúde coletiva, biologia parasitária, epidemiologia, ciências sociais e humanas aplicadas à saúde, comunicação e informação em saúde e de outras áreas de interesse acadêmico, na construção de desenhos complexos de pesquisa sobre a realidade amazônica.

ILMD/ Fiocruz Amazônia, por Eduardo Gomes
Imagem: Mackesy Nascimento

Seplancti e Suframa definem ações de suporte à criação do Distrito Agroindustrial de Rio Preto da…

Um centro de industrialização de polpa de frutas, pescado, extratos naturais e fitoterápico, além de beneficiamento de madeira, móveis e mineração é o pilar do projeto de criação do Distrito Agroindustrial de Rio Preto da Eva, que está sendo estruturado pela prefeitura do município, que pode gerar até 3 mil empregos diretos e outros 8 [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Governador Wilson Lima assina decreto que institui ordem cronológica de pagamentos de fornecedores

Órgãos da administração estadual terão 180 dias para implantar medida O governador do Amazonas, Wilson Lima, assinou decreto que institui a ordem cronológica de pagamentos de fornecedores e bens e serviços do estado. Com a medida, o governador atende, em menos de três meses de gestão, uma antiga exigência legal, determinada por meio da [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Segurança terá grande esquema de segurança para o Carnaval 2019

A Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM) apresentou, na manhã desta sexta-feira (01/3), o esquema de segurança montado para os seis dias de carnaval na capital e interior do Estado. O efetivo do Sistema de Segurança contará com aproximadamente 1,7 mil servidores, entre policiais civis, militares, bombeiros e agentes do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-AM), que [...]



(Feed generated with FetchRSS)

PM prende oito homens, apreende dois adolescentes e recaptura um foragido da Justiça

Durante patrulhamento de rotina da Polícia Militar do Amazonas, oito homens foram presos, um foragido da Justiça recapturado e dois adolescentes apreendidos entre a quinta-feira (28/02) e a madrugada desta sexta (01/03). Foram apreendidos 143 porções de entorpecentes, uma arma de fogo, 11 aparelhos celulares e dois veículos foram recuperados. Os dados não incluem as [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Polícia Civil prende em Manacapuru casal com 31 trouxinhas de cocaína, 30 gramas de oxi e dinheiro…

A Polícia Civil do Amazonas, por meio da equipe de investigação da Delegacia Interativa de Polícia (DIP) de Manacapuru, sob o comando do delegado Rodrigo Torres, titular da unidade policial, prendeu em flagrante, na tarde de quinta-feira (28/2), por volta das 17h, naquele município, distante 68 quilômetros em linha reta da capital, o casal Cristiano [...]



(Feed generated with FetchRSS)

Frutas e plantas amazônicas apresentam substâncias bioativas para novos medicamentos e cosméticos

Extratos do jucá (Libidibia ferrea), maracujá do mato (Passiflora nitida), piquiá (Caryocar vilosum) e breu-branco (Protium sp.), frutas e plantas amazônicas, apresentam substâncias bioativas que podem ser aplicadas na indústria cosmética e farmacêutica. Os resultados são de uma pesquisa científica, apoiada pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), que teve como objetivo descobrir novos bioativos com aplicação no mercado.

A pesquisa analisou cerca de 400 extratos de plantas e frutas amazônicas. Desse total, as quatro, citadas acima, apresentaram  potencial antioxidante e na redução da obesidade.

DR. EMERSON LIMA - COORD. DO LABOR. DE FARMÁCIA DA UFAM_-210

Extratos de frutos e plantas amazônicas apresentaram potencial antioxidante e na redução da obesidade

Coordenado pelo doutor em Farmácia, Emerson Lima, o estudo foi realizado no Laboratório de Atividade Biológica da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), no âmbito do Programa de Apoio à Núcleos Emergentes de Pesquisa (Pronem), edital N°009/2011.

Assista o vídeo produzido pela TV Fapeam

Segundo ele, extratos das folhas do maracujá do mato, do fruto do jucá e do piquiá apresentaram atividades antioxidantes, ou seja, com substâncias capazes de combater os radicais livres, que são moléculas liberadas pelo corpo que podem causar o envelhecimento e a morte celular. Sendo o piquiá o fruto que apresentou melhor potencial antioxidante.

“A substância mais conhecida com esse potencial antioxidante é o ácido ascórbico, conhecida como vitamina C, presente em várias frutas. A aplicação dela se destaca como aditivos de alimentos, em cosméticos para tratamento da pele e em produtos de combate a esses radicais livres. Nosso projeto visou substituir a vitamina C por bioativos naturais em uma formulação cosmética antienvelhecimento”, explicou.

DR. EMERSON LIMA - COORD. DO LABOR. DE FARMÁCIA DA UFAM_-184

Estudo foi coordenado pelo doutor em Farmácia, Emerson Lima, da Ufam

O grupo de pesquisa também descobriu que uma substância isolada do breu, árvore da região amazônica, foi capaz de reduzir a obesidade. O resultado gerou uma patente apresentada a uma indústria farmacêutica multinacional que se interessou pelo estudo.

Já os resultados com os extratos das três frutas despertaram o interesse da indústria de cosméticos. A pesquisa realizada com maracujá do mato, por exemplo, fez com que uma empresa regional procurasse a universidade e firmasse contrato de transferência de tecnologia, para produção de um produto que deverá ser lançado, em breve, no mercado.

“A ideia é criar um creme antienvelhecimento capaz de clarear e remover manchas na pele. Atualmente, o processo se encontra na fase de registro do produto junto a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Após isso, será possível colocar no mercado para fabricação de um produto”, informou.

DR. EMERSON LIMA - COORD. DO LABOR. DE FARMÁCIA DA UFAM_-240

Substância isolada do breu-branco, árvore da região amazônica, foi capaz de reduzir a obesidade

Recursos Humanos

O projeto também possibilitou a formação de recursos humanos. No total, seis alunos de doutorado, oito de mestrado e 13 graduandos receberam orientação e participaram do estudo científico. Além disso, 20 artigos científicos, ligados diretamente à pesquisa, foram publicados.

“Acreditamos que foi um projeto exitoso com publicação de artigos científicos, formação de mestres e doutores e com produtos que podem gerar renda para o Estado”, enfatizou Lima.

Pronem

O programa apoia projetos de pesquisa científica, tecnológica e de inovação propostos por grupos de pesquisa emergentes, formados por pesquisadores com destaque na sua área de conhecimento e com experiência na coordenação de projetos, de modo a permitir a consolidação de linhas de pesquisa prioritárias para o Amazonas e induzir a formação de novos núcleos de excelência em pesquisa no Estado.

Por Esterffany Martins

Fotos- Érico Xavier

O post Frutas e plantas amazônicas apresentam substâncias bioativas para novos medicamentos e cosméticos apareceu primeiro em FAPEAM.