Obsma: professores de Porto Velho (RO) participam de oficina de audiovisual

Com muita atenção, curiosidade e entusiasmo professores de Porto Velho (RO) participaram ontem  (22/11) da Oficina de Audiovisual, oferecida pela Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente (Obsma).

No segundo dia de realização das Oficinas Pedagógicas da Obsma, ninguém ficou parado. Com as orientações recebidas do instrutor Wagner Nagib, e utilizando os recursos disponíveis – seus smartphones –  os professores  partiram para a prática e produziram vídeos com enfoques na saúde e  no meio ambiente. Roteiro e produção ficaram por conta deles, que esbanjaram criatividade e sensibilidade na escolha dos temas.

Wagner Nagib apresentou aos professores possibilidades de produção audiovisual, mesmo diante da falta de equipamentos sofisticados ou mesmo de recursos financeiros. Os professores encararam o desafio e produziram material que lhes serve de inspiração para projetos a serem desenvolvidos em suas escolas.

O professor Odair José Ferreira, de São Francisco do Guaporé (RO), observou que o momento é propício para se adquirir novos conhecimentos, conhecer novos possíveis parceiros, e contribuir para a divulgação da Obsma nas escolas de sua região, bem como socializar com os colegas o conhecimento apreendido para a elaboração de novos projetos para a 9ª. Olimpíada.

As Oficinas Pedagógicas da Obsma estão sendo realizadas em Porto velho, no período de 21 a 23 de novembro, e acontecem com o apoio da Secretaria de Estado da Educação de Rondônia (Seduc-RO), por meio da Coordenação do Núcleo do Programa Saúde na Escola (PSE) e organização da Coordenação Regional Norte da Olimpíada.

 

SOBRE A OBSMA

A Olimpíada Brasileira de Saúde e Meio Ambiente é um projeto educativo bienal promovido pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) para estimular o desenvolvimento de atividades interdisciplinares nas escolas públicas e privadas de todo o país. Dentre os principais objetivos da Obsma, destacam-se o reconhecimento do trabalho desenvolvido por professores e alunos nas escolas e a cooperação com a divulgação de ações governamentais, criadas em prol da educação, da saúde e do meio ambiente.

ILMD/Fiocruz Amazônia, por Marlúcia Seixas
Fotos: Marlúcia Seixas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *